sábado, 13 de setembro de 2008

O FIM DO NEOLIBERALISMO


O descalabro do sistema financeiro dos EUA culminou no dia 7 de Setembro com a estatização de fato da Fannie Mae e do Freddie Mac, as duas maiores agências de crédito hipotecário do país que se tornaram insolventes após as suas respectivas privatizações selvagens.
Diz o Wall Street Journal que tais nacionalizações serão "temporárias", mas trata-se de um "temporário" que pode estender-se por tempo indefinido.

Com as estatizações dos dois grupos gigantes hipotecários, os contribuintes americanos ficaram com a conta para pagar, e certamente, arcar com os seus prejuízos.
O assunto ainda vai dar muito que falar, mas o que se pode concluir desde já é que a ideologia do neoliberalismo começa a ruir pala base.
Qualquer previsão de KARL MARX foi mera coincidência!

Um comentário:

Robson Santos Dominikano disse...

Esse neo que é mais paleo...
Liberdade sim, mas para a coletividade se desenvolver e não para alguns se locupletarem as custas da carência da maioria...
O Estado deve sim intervir na economia em prol do desenvolvimento dos povos, como escreveu Paulo VI.
Abaixo o neoliberalismo e seu kit de manipulação ideológica!