sexta-feira, 20 de abril de 2012

CARTA ABERTA A CONCEIÇÃO RABHA


Conceição, finalmente te digo o que bem entendo, livre que sou de qualquer compromisso com organismo político ideológico, familiar ou econômico.
Malgrado minha falta de verve, falo por mim, você é uma pessoa a quem se pode dizer qualquer coisa sem ser mal interpretado, já que possui uma inteligência acima da média.
Desde o início da nossa convivência, quando ainda era aluno adolescente secundarista e você uma bela e jovem mulher que lecionava biologia, percebi que ali diante daquela louça negra e fria havia um ser diferente: não era apenas um professor transmitivista que via o aluno como uma mera caixa de depósito de conhecimento (pedagogia “bancária” imposta pelo opressor - na visão de Paulo Freire), era uma pessoa que fazia com seu carisma e beleza jovial o aluno pensar no universo em que habitava.
Medularmente, querida professora, você não mudou nada. Continua sendo a mesma pessoa humanista detectada nos meus primeiros olhares; mesmo nascendo em uma família que em sua grande maioria é fisiologista, soube manter, entender e por em prática o caráter altivo e soberano de sua saudosa mãe.
Meu gosto pela política me fez ver em você uma grande esperança de mudança na vida pública angrense, que nos últimos 12 anos se transformou em um feudo corrupto e tirano.
A vida me ensinou que como qualquer pessoa da vida pública brasileira, você não está livre das manobras políticas e das pressões do poder. Contudo, confio plenamente no seu poder de detectar as maçãs podres de sua roda política.
Mas, armadilhas existem e sempre cairemos nelas. Sei que não partiu de você a estúpida idéia de enviar uma “assessora política” em meu leito na UPG (Unidade de Pacientes Graves) onde me encontrava recuperando de um atentado a faca desferido por um degenerado mentalmente pelo vício de décadas de consumo de entorpecente pesado, me chamar de alcoólatra.
Confesso que a ofensa me doeu mais do que as 10 facadas que dilaceraram quase todos os músculos das minhas pernas que usei para me defender. Ali, diante daquela cama tenebrosa de hospital, aquela figura pigméia tão bem retratada por Jonathan Swiff em seu clássico, desprovida de qualquer senso crítico, movida pelo senso comum me ofendendo sem sequer ouvir minha versão dos fatos.
Certamente, querida mestra, não são esses os assessores que podem ser seus embaixadores e colaboradores.
Não sou candidato a nada, não almejo cargo ou qualquer tipo de poder, somente faço política porque acredito na redenção do povo pelo povo. Acredito que somente uma participação intensa da população poderá nos levar a democracia tão desejada.
E o caminho momentâneo em Angra é uma mulher, uma grande mulher – CONCEIÇÃO RABHA.
Quero participar junto com o povo da sua campanha para desmascarar, não só os teus algozes que estarão nas trincheiras opostas, mas também, os que estão nas suas trincheiras por puro oportunismo!

13 comentários:

PDT Angra disse...

Palavras simples, sinceras e de conteúdo imensurável.Um abraço, Cláudio.

Cláudio Erick.

FRADE ONLINE disse...

Ótima reflexão

Anônimo disse...

Tais palavras só demosntram a inteligência e a seriedade de Claudio.

Anônimo disse...

É por isso que eu o admiro tanto. Um grande homem não só fisicamente, mas o seu coração demonstra pra mim explicitamente o tamanho do seu carater.
Até um dia e fique bem.

o padre disse...

Meu voto ja é Dela. Chega de Jdoes

Anônimo disse...

É por isso que v\c tem que ser um político para combater o colarinho branco(políticos corruptos)Tenha imunidade parlamentar que v\c é o político do POVO.

Anônimo disse...

Já que vc não tem medo de morrer, então mostre sua valentia, sua sabedoria, competindo na eleição nesta cidade sem lei, mostra então para que veio, já que ninguém faz merda menhuma e vc sabe das merdas debaixo dos panos, a hora é esta, venha como candidato, ganhe e lute de igual para igual com estes corruptos, faça a diferença, cara! Até quando vai ficar escondido atrás de uma camera fazendo comida enquanto a população está sendo "comida" pela corja que se instalou nesta cidade? Já que vc admira chequevara e companhia faça como eles dê a cara para bater, ficar falando, falando e nada de concreto fazendo não é coragem. O povo está morrendo sem saúde, sem moradia, sem emprego, sem justiça, e não tem UM que quer realmente por a mão no fogo para defender esta droga de cidade, todos os politicos que aqui estão já estão corrompidos, comprados, a população está tão abandonada que já começaram a fazer justiça com as próprias mãos!! Cara, a gente não tem em quem acreditar, é só olhar o legislativo desta cidade que dá vontade de vomitar, não estou dizendo aqui que vc será o salvador de Angra, não é isso, mas que fará uma revolução com o povo isso eu tenho certeza! Estamos contando com sua reflexão, pense, tem oportunidades que são únicas na nossa vida.
Entre para a histótia, faça a sua história, não deixe que apenas as histórias citadas por vc seja contada, faça com que a sua seja falada por seus descendentes. Vc tem alguns amigos inteligentes, converse com eles, tem gente boa em sua volta, vc é um nome forte, é um cabeça dura, teimoso, lute e faça valer sua exustencia nessa vida.

Anônimo disse...

Karl Marx escreveu em uma carta ao seu pai:

“Uma cortina caiu. Meu santo dos santos foi partido ao meio. Sou grande como Deus; envolvo-me em trevas como Ele. Perdi o céu, disto estou certo, minha alma, antes fiel a Deus, está marcada para o Inferno.“

Muitos poderiam dizer que esse trecho da carta apenas poderia apenas significar que Marx era ateu, mas a História registra que Marx era discípulo de Moses Hess, um conhecido satanista que trouxe Marx para uma sociedade secreta, conhecida como “A Liga do Justo”. Em 1841, Hess escreveu o seguinte sobre Marx:

“Dr. Marx é ainda muito jovem, mas é ele que exterminará a religião medieval.”

Um dos primeiros colaboradores de Marx, Bukharin, também um fervoroso satanista, escreveu:

“Satã é o primeiro pensador livre. Ele livrou Adão e imprimiu nele o selo da liberdade ao leva-lo à desobediência.“
Na vida particular, Marx se mostrava um perfeito cafajeste. Era sustentado por Engels e sua preocupação era com as heranças que seus parentes ricos poderiam deixar, além de um tio, a quem chama de “cão velho” em uma carta à Engels. Engels relata a frieza de Marx ao receber um telegrama anunciando a morte de sua mãe:

“Chegou um telegrama há duas horas dizendo que minha mãe morreu. O destino precisou levar um membro da família….pelas circunstâncias sou mais necessário que a velha mulher. Preciso ir a Trier para ver a herança.”
Marx também tinha casos fora do casamento e havia sido deixado duas vezes por sua esposa por ter engravidado a empregada. Além disso, três de seus filhos legítimos morreram de desnutrição, além de um ter morrido pelo descuido do próprio pai. Sobre o filho que teve com a empregada, Marx dizia à família que o filho era de Engels, coisa que foi desmentida pelo próprio Engels em seu leito de morte.

Segundo Mikhail Bukanin, “O Supremo Mal é a revolta satânica contra a autoridade divina e na nossa revolução deveremos acordar o Diabo nas pessoas, estimular nelas as paixões mais vis…”. Infelizmente é isso o que está acontecendo hoje no mundo. O comunismo e o feminismo, ao defenderem o aborto, estão defendendo que uma criança seja assassinada, ainda no útero, apenas para livrar a infanticida da responsabilidade. Muitas mulheres que defendem o aborto dizem que o fazem porque uma criança a faria perder a vida. Ao fazer isso estão deixando claro que são a favor de um infanticídio apenas para poderem continuar saindo em baladas, ficarem com muitos cafajestes e rebolarem em muitas picas.

E satanás ainda hoje continua fazendo dicispulos por homens de mente cauterizada, por isso ouvem, leem assuntos relacionados a Deus e nada entende.

O texto “O Satanismo na Vida de Obra de Karl Marx“, escrito pelo Prof. Dr. Antonio Ribeiro de Almeida.

Anônimo disse...

COMENTÁRIO INTELIGENTE DE UMA PESSOA QUE LÊ E É BEM INFORMADA E NÃO SE CURVA NEM VENDE A ALMA EM TROCA DE CARGO POLÍTICO. PARABÉNS CLÁUDIO.

Anônimo disse...

Quanta bobagem e calúnia esse comentarista fex de Marx, certamente deve ser mais um pastor que vive da miséria de seu seguidores.
Vai estuda, seu idiota!

Anônimo disse...

O pior cego é aquele que não quer ver. Tão pior quanto o Satanismo é o que a Igreja Católica fez com o povo. Uma igreja que mata em nome de Deus. Uma igreja que queima mulheres vivas e cientistas em fogueiras por mostrarem a verdade. Verdade esta que o tempo mais do que provou. Não sou ateu, mas sinto-me a vontade para dizer estas coisas porque fui criado dentro da Igreja Católica. É interessante para a Igreja e para os políticos manterem o povo ignorante para massa de manobra. É uma pena que a lavagem cerebral, o medo imposto pela religião, os faça temer e serem escravos.

Anônimo disse...

Satanismo é o que acontece na igreja universal ods infernos.

Anônimo disse...

Gostaria de lhe vêr ocupando uma cadeira no legislativo. Sinceramente, não dá mais para você ficar na arquibancada, tem de estar em campo! Acredito que, em princípio, você poderia participar do governo da Conceição. Depois, gando experiência, lança a tua própria candidatura.
Abraços. A luta continua, companheiro!